Vai abrir uma empresa? Lembre-se dessas 10 dicas

Com ou sem crise, começar um novo negócio é um desafio e uma oportunidade ao mesmo tempo. Algumas coisas são fundamentais a se pensar se você decidiu se tornar empresário, ou se está pensando no assunto. Seja pelo sonho de buscar uma nova realidade de trabalho ou seja pela vontade de colocar uma ideia inovadora para funcionar coloque-se a pensar sobre esses aspectos:

1 – Análise de Mercado

É sempre importante analisar o mercado no qual você vai se incluir. Você contratar uma agência para fazer uma análise de mercado para você ou até mesmo realizar buscar pela internet e pela sua região de atuação para começar a entender melhor o seu mercado.

Pode ser que você tenha muitos concorrentes na área, pode ser que sejam poucos, pode ser que o seu mercado esteja sendo impactado por algum fator econômico específico como alta do dólar ou pode ser que o seu público tenha um comportamento de mercado específico que merece ser olhado com maior atenção. De qualquer forma, pesquise, pergunte, busque e analise o seu mercado para que você saiba muito bem quais serão os seus verdadeiros desafios e verdadeiras oportunidades de mercado para não ficar no achismo.

2 – Faça uma análise SWOT do seu modelo de negócio

Despois de ter analisado o mercado você automaticamente terá em mente quais são as suas oportunidades, fraquezas, diferenciais e riscos dentro do seu negócio. Coloque tudo isso no papel através de uma tabela de Análise SWOT (Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças). Ela nada mais é do que a análise dos seus pontos fracos e fortes dentro da empresa e os pontos fortes e fracos do mercado que podem te afetar. Siga a ideia do gráfico abaixo e deixe-o sempre a sua mão para que você o tenha como base antes de começar qualquer trabalho.

3 – Estipule metas

As metas funcionarão como um impulsionador para você. Estipule metas ousadas, sonhadoras para que você sempre busque o alto. Mas nunca esqueça de analisar a todo momento como está o seu caminho até ela para que você comemore as pequenas conquistas do dia a dia e continue buscando mais.

4 – Escolha bem a sua equipe e seus parceiros de negócio

Você já sabe os seus pontos fortes e fracos, sabe como o mercado pode agir e as metas que pretende atingir. Com tudo isso pronto fica mais fácil decidir que tipo de profissional você precisa junto de você para atingir seus objetivos. Seja realista na hora de escolher os seus funcionários e seus parceiros de negócio, falando a sua real situação e seus verdadeiros objetivos. Assim você conseguirá ter pessoas verdadeiramente engajadas junto com o seu tipo, pois compreenderão a importância de seu trabalho naquilo que se propuseram a fazer.

5 – Analise os extratos bancários constantemente

É uma parte incômoda ter que ficar olhada a conta bancária o tempo todo, mas se faz necessária. A nossa dica é que você organize seu dia para que você possa olhar pela internet mesmo a situação bancária da sua empresa, o que é bem fácil hoje em dia. Sempre olhe as contas no fim do seu dia de trabalho. Caso você tenha alguma surpresa negativa, ou se depare com alguma conta surpresa ou algo inesperado, você terá visto no fim do seu dia e não no início, ou seja, não ficará o dia inteiro pensando naquele problema para resolver.

6 – Contrate um bom contador

Podemos até ser suspeitos para falar, mas a verdade é que um bom contador pra sua empresa faz toda a diferença. Você não precisa ficar se preocupando o tempo todo com os impostos e balanças fiscais, por exemplo. Se seu funcionário tiver alguma dúvida, o seu contador poderá lhe passar todas as informações. Se mudar alguma lei ou atribuição fiscal você saberá logo e seu contador irá te manter na situação legal e mantendo o patrimônio da sua empresa. Até mesmo se você tiver problemas financeiros e necessidades urgentes financeiras que não sabe como resolver, você poderá contar com a experiência do seu contador com diversas empresas para auxiliá-lo.

7 – Analise a contabilidade todos os meses

Se você tem um contador, peça a contabilidade e analise todos os meses. Junte com as pequenas contas e gastos extras mensais e feche uma análise de como está sendo a situação contábil da sua empresa. Isso lhe trará principalmente maior tranquilidade no dia a dia, mas também te trará clareza para resolver os “pepinos” que vão aparecendo na rotina empresarial. Se você tiver que resolver algum custo extra que surgiu, após a análise você saberá qual é e terá antecedência para buscar a resolução dela.

gestao_de_obras_06

8 – Separe as contas pessoais das empresariais

Esse é um dos erros mais comuns da maior parte dos empresários brasileiros. Não misture as suas contas pessoais das empresarias. Aprenda a separar bastante uma coisa da outra. Isso garante maior tranquilidade de vida mesmo. A empresa é sua, mas você tem custos fixos como empresa e como empresário, além da empresa necessitar de um certo capital de giro muitas vezes. Não misture, separe em pastas seus gastos, não pegue dinheiro do caixa pra pagar uma conta pessoal se não puder devolver o valor logo em seguida.

9 – Defina sua organização diária de trabalho e atenha-se a ela

Defina um horário de trabalho seu e as tarefas que são atribuídas diretamente a você ou não. Um dos grandes problemas dos empresários é a hora de trabalho, pois não param de trabalhar nunca por serem os donos do próprio negócio. Mas se você não parar para descansar nunca chegará o momento em que você não terá cabeça para resolver as questões que vão surgindo na empresa e que precisam do seu poder de decisão. É nessa hora que decisões erradas são tomadas e que o dia a dia começa a pensar.

Por mais difícil que seja, defina um horário do seu agrado e de acordo com a sua necessidade para trabalhar. Intercale os seus horários com o dos funcionários. Dessa forma você começará a organizar melhor o seu dia a dia, terá a cabeça um pouco mais leve e conseguirá atingir os seus objetivos e metas com um passo a cada dia.

10 – Mantenha os documentos da empresa, na empresa

Seu contador pode ter os documentos todos da empresa em seu escritório e de forma bem organizada, mas você pode precisar de algo com urgência ou até mesmo precisar de uma consulta urgente. Portanto sempre tenha pelo menos as cópias dos documentos principais da empresa na sua empresa, além de cópias dos documentos dos donos, notas ficais e outros. Você só não precisa se preocupar muito com notas das contas de luz, telefone, internet e outros desse gênero todo mês. Pague essas contas, tire o recibo, certifique-se que o seu contador recebeu todas elas e isso já bastará para o balanço ser fechado.

O dia a dia de um empresário vai muito além de apenas essas dicas e se você está pensando em abrir uma empresa precisa lembrar de algumas outras questões como categorias de impostos a abrir, contas de banco, folha salarial, capital de giro e outros…. Para tudo isso é que estamos aqui. Marque um cafezinho ou uma consultoria conosco para compreender melhor essas e outras questões.